A ação inovadora e pioneira na região visa trabalhar com alunos o desenvolvimento de competências socioemocionais e habilidades para resolução de conflitos com foco na construção de uma Cultura de Paz

Alunos e educadores da Escola Municipal Dr. Juarez de Souza Carmo, da cidade de Cajuri, na Zona da Mata de Minas Gerais, realizaram, na última segunda-feira (2), uma aula inaugural para marcar o início das atividades da metodologia de Educação Emocional e Social. A ação é uma iniciativa da Secretaria de Municipal de Educação, em parceira com a Organização Inteligência Relacional, pioneira na sistematização de conteúdos socioemocional no país.

Com a implantação dessa metodologia na grade curricular, os estudantes irão trabalhar o desenvolvimento de competências emocionais e sociais e habilidades para resolução de conflitos, por meio da empatia, do diálogo e da cooperação, diretrizes presentes na Lei Antibullying e parte integrante da Base Nacional Comum Curricular (BNCC). Dessa forma, será possível prevenir situações de estresse, uso e abuso de álcool e drogas, depressão e violência, possibilitando uma melhoria da convivência e aprendizagem.

Na aula inaugural os alunos promoveram diversas atividades entre dinâmicas e reflexões, conduzidas pela Supervisora Pedagógica Elizete Aparecida. A equipe escolar apresentou grande entusiasmo e envolvimento com os conteúdos propostos nos materiais pedagógicos, bem como os alunos, que também se mostraram empolgados e muito participativos.

A gestora da escola, Cleusa Teixeira, avaliou muito positivamente o momento de integração realizado durante todo o dia. “Foi uma atividade diferenciada e bem aceita por todos, tendo em vista que tratou da emoção dos alunos, dos professores e de todos que fazem parte da escola. Acredito que isso irá contribuir com a construção de mais diálogo e respeito, proporcionando um ambiente mais humanizado entre todos”, disse.

Já a professora do 5º Ano, Silvânia Aparecida, destacou que a aula inaugural promoveu uma grande interação entre seus alunos. “Eles participaram das atividades bastante motivados e com muita atenção. Vejo que o trabalho de educar para as emoções irá permitir uma melhoria da consciência deles, trazendo um reflexo positivo dentro e fora da escola”, ressaltou.

Todas as escolas municipais de Cajuri estão sendo contempladas com a Educação Emocional e Social, sendo duas na área rural e uma na área urbana. Ao todo, 217 alunos e 19 educadores estão envolvidos no processo de educar para as emoções. O município aderiu à metodologia de Educação Emocional pouco antes de terminar o primeiro semestre e as aulas já farão parte da grade curricular dos alunos a partir deste semestre.

Fonte: Portal Viçosa Urgente