Com o objetivo de estimular a leitura na comunidade, a ação também visa contribuir na melhoria das relações pessoais entre os moradores do município 

O município de Conde, na Paraíba, que desde o início do ano tem se destacado com o desenvolvimento da metodologia de Educação Emocional e Social da Inteligência Relacional em todas as escolas públicas, apresentou, recentemente, mais uma novidade para sua população. Trata-se do projeto “Gelatecas”, uma iniciativa da Secretaria Municipal de Educação, com o apoio da Inteligência Relacional, que visa incentivar a leitura em diversas comunidades locais.

A ação consiste no reaproveitamento de geladeiras fora de uso, que recebem uma personalização própria, colorida e lúdica desenhada pelo artista local Thayroni Arruda, de João Pessoa. Posteriormente, as “Gelatecas” são abastecidas com livros de literatura infantojuvenil, gibis, entre outros, e colocadas em locais de grande circulação, a exemplo de comércios, praças e prédios públicos.

De acordo com a Secretária de Educação, Aparecida Uchôa, a ideia surgiu para ampliar o espaço de leitura no município, descentralizando o acesso para todos e, a Inteligência Relacional, ao conhecer a ação, se propôs a ajudar e contribuiu com um visual próprio bastante atrativo. “Já instalamos em alguns locais e estamos percebendo a excelente aceitação e receptividade por parte das comunidades”, disse.

“Se os moradores se juntam para fazer uma coisa tão boa, que é ler, contar histórias, conversar e aprender, isso provoca uma maior aproximação entre eles e abre espaço para novos diálogos e amizades. Isso ajuda na construção de novas relações, criando um melhor ambiente social entre eles”, completou Aparecida.

O chefe de Departamento de Bibliotecas de Conde, Valderlan Lopes, também apoiador da ideia, destacou, ainda, que nas “Gelatecas” as pessoas podem simplesmente fazer a leitura no local, levar o livro para casa e depois devolver, ou até mesmo, trocar por um livro que já tenha em casa.

Fonte: Inteligencia Relacional