Resultados na prática nas escolas

A Avaliação de Resultados da Inteligência Relacional, baseada em inventários aprovados pelo Conselho Federal de Psicologia foi feita a partir de uma amostra de 38.794 alunos distribuídos em diversos estados da federação. Os números revelam redução de 63% de comportamentos problemáticos e aumento de 72% nos comportamentos socialmente habilidosos entre os alunos que passaram pelo desenvolvimento da Educação Emocional e Social. 

Isso demonstra uma redução significativa dos comportamentos inadequados que prejudicam a convivência, tais como violência, agressividade destrutiva, ansiedade e tristeza excessivas. Os alunos também estão aptos a lidar melhor com suas emoções, apresentam maior interesse acadêmico, aumento da concentração, diminuição no retraimento social, podendo conviver mais pacificamente consigo mesmos e com os outros.

Redução de problemas de comportamento

Total de alunos avaliados: 14.662
Agressividade Destrutiva

Agressividade Destrutiva

Redução de 39%
Ansiedade Excessiva

Ansiedade Excessiva

Redução de 35%
Desinteresse Acadêmico

Desinteresse Acadêmico

Redução de 36%
Hiperatividade

Hiperatividade

Redução de 48%
Depressão

Depressão

Redução de 19%
Retraimento Social

Retraimento Social

Redução de 26%
Queixas Somáticas

Queixas Somáticas

Redução de 29%
Total de 63% sem problemas de comportamento

Aumento de Habilidades Emocionais e Sociais

Total de alunos avaliados: 24.242
Habilidades de Relacionamento

Habilidades de Relacionamento

Aumento de 71%
Habilidades Assertivas

Habilidades Assertivas

Aumento de 68%
Habilidades Acadêmicas

Habilidades Acadêmicas

Aumento de 54%
Habilidades de Autocontrole

Habilidades de Autocontrole

Aumento de 51%
Total de 72% mais habilidosos